O surgimento dos e-commerces mudou a dinâmica do varejo. Aumentou a diversidade de produtos disponíveis e acesso a produtos que não estavam nas lojas físicas.

Apesar de todas as vantagens que os e-commerces trouxeram na compra de produtos pela internet, uma necessidade que ainda falta para ser suprida é a interação do cliente com o produto.

Um estudo feito pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) nas 27 capitais do país revela que 42% dos consumidores sentem falta de experimentar o produto antes de poder comprar. Isso acaba se tornando uma desvantagem no momento de uma compra online.

Hoje, pensar na experiência do consumidor ao entrar em uma loja virtual é um diferencial competitivo. E a tecnologia vem trazendo diversos recursos para proporcionar essa experiência.

A Realidade Aumentada (AR) é uma dessas tecnologias que começa a impactar os e-commerces.  Empresas estão investindo em AR como uma ferramenta que pode ajudá-las a se destacar da concorrência; sendo usada para oferecer uma experiência mais personalizada aos consumidores e fornecer aos compradores a capacidade de testar e explorar produtos de maneira semelhante à experiência de compra pessoal.

Nike

A Nike já está experimentando a realidade aumentada e a empresa continua trabalhando em novas experiências através da tecnologia. A empresa lançou o Nike Fit, aplicativo que combina algoritmos e realidade aumentada para escanear e recomendar tênis e sapatos do tamanho correto para o consumidor, tudo isso utilizando através do smartphone.

Gucci

A Gucci adicionou um recurso de realidade aumentada (AR) ao seu aplicativo para iOS que permite que os compradores experimentem virtualmente a linha de tênis, podendo ver uma imagem digital dos tênis sobre os pés. Como o aplicativo acompanha os movimentos dos pés, os compradores podem ver os sapatos virtuais em tempo real e de diferentes ângulos.

Rolex

A famosa e luxuosa Rolex também está investindo na experiência dos usuários para visualizar e experimentar vários modelos de relógios.

Warby Parker

A empresa Warby Parker utiliza o mapeamento do rosto e realidade aumentada em seu app para que seus clientes experimentem virtualmente os óculos no aplicativo antes de comprá-los.

Timberland

A Timberland utilizou a realidade aumentada em um provador virtual, onde as pessoas puderam experimentar a nova coleção da marca sem experimentá-las fisicamente em um provador comum.